Dia do Circo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

 

Dia do Circo

Olá, amigos do blog atividades compartilhadas!

Hoje eu vou compartilhar com vocês professoras Card para o Dia do Circo para vocês enviarem para os alunos.

Mas antes disso vou deixar um texto explicando a origem da data do Dia do Circo.

Dia do Circo -27 de Março

O Dia do Circo, celebrado em 27 de março, é uma data comemorativa que homenageia a arte circense, uma das formas de arte e entretenimento mais tradicionais de nosso país. A escolha da data faz referência à data de nascimento do palhaço Piolin, que fez muito sucesso na década de 1920, sendo muito homenageado pelos modernistas.

Origem da data

O Dia do Circo é uma data comemorativa celebrada em nosso país como forma de homenagear a arte circense, uma arte bastante tradicional em nosso país e que se estabeleceu aqui no século XIX. Essa data se consolidou como uma homenagem a Abelardo Pinto, homem que ficou conhecido por sua trajetória como o palhaço Piolin. Ele viveu o auge de sua carreira durante a década de 1920.

Abelardo Pinto nasceu em Ribeirão Preto, no estado de São Paulo, no dia 27 de março de 1887. Ele era filho de pais que sobreviviam das artes circenses e desde criança atuava no meio. Em 1917, ele se tornou palhaço e teve sua carreira consolidada como um dos grandes palhaços brasileiros.

O nome artístico — Piolin — era um apelido que ele recebeu de um colega de circo por causa de um atributo físico: as pernas longas e finas. Piolin é uma palavra usada para definir barbante no idioma espanhol.

O auge da carreira dele aconteceu durante sua passagem pelo Circo Alcebíades, que ficava no Largo do Paiçandu, na cidade de São Paulo. Lá Piolin possuía um grande público e era considerado um palhaço muito engraçado, sendo reconhecido pelos seus atributos como malabarista e por realizar diversas acrobacias.

O reconhecimento de Piolin era tão grande que o Circo Alcebíades lotava com pessoas ansiosas para vê-lo. Além disso, ele foi bastante elogiado por importantes nomes do modernismo brasileiro, como Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Tarsila do Amaral, Menotti del Picchia, entre outros. Outro importante espectador de Piolin era o presidente do Brasil entre 1926 e 1930, Washington Luís.

Em 1929, os modernistas decidiram homenagear Piolin, realizando um evento chamado Banquete Antropofágico. No cinquentenário da Semana de Arte Moderna, em 1972, uma nova homenagem foi realizada. A partir disso, o dia 27 de março se estabeleceu como Dia do Circo, em homenagem a esse grande artista circense.

Origem do circo

O circo moderno, da forma como conhecemos, estabeleceu-se na Inglaterra, em meados do século XVIII. O responsável por isso foi um ex-militar chamado Philip Astley, que inaugurou um centro que fazia exibições equestres que continham apresentações com acrobacias e malabaristas. O centro criado por Astley ficava em Londres e se chamava Royal Amphitheatre of Arts.

Com o tempo, as apresentações circenses que faziam parte do circo de Astley começaram a ser expandidas para outros locais da Europa. Um desses locais, por exemplo, foi o circo que Astley fundou em Paris, França, chamado Amphithéâtre Anglois. O circo foi introduzido no Brasil em meados do século XIX e foi trazido para cá por famílias de imigrantes europeus que sobreviviam das artes circenses.

Apesar disso, é importante mencionarmos que a realização de artes circenses, que fazem parte de um espetáculo e visam ao entretenimento do espectador, é uma prática que remonta à Antiguidade, e povos como os gregos já possuíam ações do tipo. Um centro para apresentações do tipo só foi criado na Roma Antiga.

Esse local era conhecido como Circus Maximus e nele ocorriam corridas de cavalos, assim como apresentações de caçada de animais, lutas de gladiadores, etc. Com a desagregação do Império Romano no século V, esses locais de apresentação teriam desaparecido.

FONTE:https://mundoeducacao.uol.com.br/datas-comemorativas/dia-circo.htm

 

Como baixar as Imagens da Atividade.

1-Clique com mouse com o botão direito em cima da imagem.

2-Clique na opção abrir imagem em uma nova guia.

3-Com o botão esquerdo clique na imagem para expandir

4-Com o botão direito clique na imagem.

5-Selecione a opção salvar imagem como.

6-Selecione onde quer salvar e clique em salvar.

IMPORTANTE: Caso esteja baixando via celular, talvez seja necessário fazer o login em sua conta da Google, baixando através de um computador não é necessário fazer login.

ATENÇÃO:É proibido comercializar qualquer arquivo produzido e disponibilizado no blog. Caso queira compartilhar o nosso trabalho envie o link do blog https://atividadescompartilhadas.com.br/

Enviando o link do blog você me ajuda a divulgar o meu trabalho.

Siga o nosso Instagram: @atividades.compartilhadas

Siga a nossa página no Facebook : atividades.compartilhadass

Deixe um comentário

Prof: Ingrid Ribeiro

Me chamo Ingrid Ribeiro sou professora da rede pública compartilho o meu trabalho na página do Instagram @atividades.compartilhadas para acrescentar na sua prática Pedagógica.

Categorias